Receba atualizações de notícias ao minuto sobre os temas mais quentes com a NewsHub. Instale já.

56% dos candidatos do Enem 2018 terão que adiantar o relógio para o horário de verão no dia da prova

17 de Outubro de 2018 08:00
61 0

Juntos, os estados de São Paulo e Minas Gerais concentram metade dos inscritos que terão que adiantar o relógio no dia da prova.

Desses estados, porém, nem todos estarão no horário de Brasília. Como o horário local em Mato Grosso e Mato Grosso do Sul atualmente já está uma hora atrás de Brasília, essa diferença continua igual. Isso quer dizer que o fechamento dos portões nesses dois estados acontece às 12h do horário local.

Os demais estados não precisarão mudar o relógio em 4 de novembro, mas os 2,4 milhões de candidatos que farão as provas nessas regiões terão que se ajustar à nova diferença de fuso em relação ao horário oficial de Brasília.

Atualmente, 14 estados estão no mesmo horário que Brasília, mas, no primeiro dia do Enem, eles passarão a estar uma hora atrás. Portanto, o horário local de fechamento será, também, uma hora antes. Outros três estados estarão duas horas atrás e, no Acre e em 13 municípios do Amazonas, essa diferença será de três horas.

Fonte: g1.globo.com

Partilhe nas redes sociais:

Comentários - 0