Receba atualizações de notícias ao minuto sobre os temas mais quentes com a NewsHub. Instale já.

Cuca demonstra confiança após vitória por 4 a 2 sobre o Bahia

18 de Junho de 2017 22:17
32 0
Cuca demonstra confiança após vitória por 4 a 2 sobre o Bahia

O Palmeiras conquistou mais uma vitória fora de casa. Desta vez, contra o Bahia, o técnico Cuca afirmou que o resultado é o ponto de partida para o time acreditar no seu trabalho

Depois de iniciar o Brasileirão com baixo rendimento fora de casa, o Palmeiras, finalmente, venceu atuando longe do Allianz. Após a vitória por 4 a 2 sobre o Bahia, na Arena Fonte Nova, o técnico Cuca afirmou que os três pontos conquistados em Salvador é o ponto de partida para o time acreditar no seu trabalho. O resultado tira a invencibilidade do Bahia, que havia vencido todos os jogos disputados em casa.

-Nós saímos aliviados, é claro. Comandar o Palmeiras e ficar perto da zona do rebaixamento é complicado. Hoje, se a gente perde, vamos para a zona. E agora se conseguir uma arrancada dá um pulo lá para cima. É boa essa vitória para tentar essa arrancada, para resgatar a autoconfiança. Mas quarta-feira (contra o Atlético-GO), a gente precisa comprovar o domingo - afirmou o treinador.

Yerry Mina, Willian, Róger Guedes e Erik foram os autores dos gols do Palmeiras sobre o Tricolor Baiano. Apesar da quantidade de pontos marcados, se engana quem pensa que a disputa foi fácil. Com a consciência tranquila, Cuca garante que a vitória é o remédio que a equipe precisava para dormir bem.

- Nós não abrimos mão de jogar. Criamos 12, 15 chances e conseguimos fazer quatro gols. Na quarta, a gente criou esse tanto e não fez. Não adianta jogar bem e perder, porque a noite é longa. O único remédio para dormir bem é a vitória - disse o técnico.

Pensando em Libertadores, o treinador ainda viu a partida na Arena Fonte Novo como um treinamento para as próximas disputas da Libertadores, por conta da quantidade de torcedores que estavam no estádio, cerca de 30 mil pessoas.

Na competição continental, o Palmeiras enfrenta o Barcelona de Guayaquil no próximo dia 5, pela primeira partida das oitavas de final da Libertadores. O jogo será realizado às 21h45, no estádio Monumental de Barcelona.

- Preciso ter convicção, porque estava vendo evolução e o resultado não estava vindo. E você precisa insistir. No segundo tempo, eu até vi muita situação de Libertadores, porque é esse tipo de jogo que vamos enfrentar. Velocidade, com força, com apoio da arquibancada. E o time ficou ainda assim equilibrado, especialmente no segundo tempo. Tiramos muitas conclusões benéficas - finalizou o comandante.

Fonte: terra.com.br

Partilhe nas redes sociais:

Comentários - 0