Receba atualizações de notícias ao minuto sobre os temas mais quentes com a NewsHub. Instale já.

Grêmio encerra "encanto" do Fla na Ilha e volta a ser 2º

14 de Julho de 2017 00:43
57 0
Grêmio encerra "encanto" do Fla na Ilha e volta a ser 2º

O Flamengo perdeu a invencibilidade na Ilha do Urubu, ao ser derrotado pelo Grêmio por 1 a 0, nesta quinta-feira, pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro. O gol foi marcado por Luan, ainda no primeiro tempo.

O revés fez a equipe rubro-negra continuar com 23 pontos e cair para a quarta posição na tabela da competição. O Grêmio subiu para 25 e recuperou a segunda colocação, atrás apenas do líder Corinthians, que tem 35.

Apesar da grande torcida e da estreia de Geuvânio, que entrou no segundo tempo e fez boas jogadas, o Flamengo não conseguiu superar o forte esquema defensivo montado por Renato Gaúcho. No desespero, o técnico Zé Ricardo chegou a trocar os volantes por atacantes, mas não conseguiu produzir futebol eficiente.

Na próxima rodada, a ser disputada no fim de semana, o Flamengo vai visitar o Cruzeiro, em Belo Horizonte. O Grêmio vai receber a Ponte Preta, em Porto Alegre. Ambos os duelos acontecem domingo.

O jogo - Como era de se esperar, o Flamengo começou a partida no ataque e, logo aos 3, após levantamento na área, a bola sobrou para Trauco, que se livrou da marcação e assustou o goleiro Léo.

O Grêmio se mostrava mais preocupado com o sistema defensivo e pouco se aventurava. Aos 8, Lucas Barrios foi derrubado por Márcio Araújo. Na cobrança de falta de Luan, Réver aliviou o perigo, desviando para escanteio.

Aos 12 minutos, o volante Márcio Araújo se projetou ao ataque e disparou, mas o chute foi bloqueado por Kanneman. O time carioca seguia melhor em campo. Aos 18 minutos, Diego tentou o lançamento para Everton, mas Léo saiu bem do gol e ficou com a bola.

O time gaúcho mostrava timidez nas ações ofensiva. Sem conseguir se aproximar da área rubro-negra, o Grêmio tentava chutes de longe, como aconteceu com Ramiro, aos 20 minutos, mas a bola ficou com o goleiro Thiago.

Mesmo sem estar apresentando uma grande exibição, o Grêmio marcou o gol, aos 25. Luan investiu pela direita e contou com toque errado de Trauco para prosseguir na jogada e tocar no canto esquerdo, abrindo o placar.

Em desvantagem, o Flamengo partiu para buscar o empate, tentando sufocar a equipe gaúcha no seu campo de defesa. Aos 30 minutos, o time carioca quase chegou ao empate em bomba de Everton Ribeiro. Léo defendeu em dois tempos.

Aos 34 minutos, Rafael Vaz avançou e fez o cruzamento na área, Leandro Damião conseguiu a cabeçada, mas mandou a bola longe do gol. A pressão do Flamengo aumentou e, aos 43 minutos, Cuéllar exigiu boa defesa de Léo. No escanteio, a bola sobrou para Everton, que mandou a bomba, mas a bola explodiu no travessão.

Os dois times voltaram sem modificações para o segundo tempo e, no primeiro minuto, o Flamengo mostrou sua disposição de mudar a história. O lateral Rodinei chutou com muito perigo, mas a bola saiu. Um minuto depois foi a vez de Diego receber de Leandro Damião, invadir a área e chutar nas mãos de Léo.

O time dirigido por Zé Ricardo seguia pressionando em busca do empate. Aos 7, Everton fez ótimo lançamento para Leandro Damião, que concluiu com muito perigo, mas a bola saiu. O Grêmio não conseguia sair da defesa e a pressão do Flamengo aumentava a cada minuto.

Para aumentar o poder ofensivo da equipe, o treinador da equipe rubro-negra decidiu promover a estreia do atacante Geuvânio, que entrou no lugar do volante Márcio Araújo.

Aos 13 minutos, após levantamento na área, o zagueiro Rafael Vaz cabeceou e o goleiro gremista fez grande defesa, espalmando para escanteio.

O time comandado por Renato Gaúcho chegou, pela primeira vez, aos 15. Diego perdeu a bola na intermediária para Fernandinho, que lançou para a conclusão de Luan, mas a bola saiu fraca.

Três minutos depois, Geuvânio fez boa jogada e a bola acabou sobrando para Everton Ribeiro. O camisa 7 chutou no meio do gol. Logo depois, cobrança de falta de Diego explodiu na barreira e saiu para escanteio.

Em mais uma tentativa de aumentar o poder ofensivo da equipe, Zé Ricardo tirou Cuéllar e colocou o atacante Felipe Vizeu em campo para se juntar a Leandro Damião na área gremista. Logo depois, o meia Mancuello entrou no lugar do lateral Trauco.

Aos 34 minutos, o goleiro dos visitantes errou na reposição de bola e chutou em cima de Leandro Damião. A bola passou rente à trave, em grande susto para a defesa sulista. Depois disso, o Grêmio soube administrar o jogo para sair com a vitória.

Assistentes : Anderson José de Moraes Coelho (SP) e Bruno Salgado Rizo (SP)

Cartões Amarelos : Trauco, Mancuello (Flamengo), Michel, Kanneman (Grêmio)

GRÊMIO : Leo , Edílson, Geromel, Kannemann e Cortez; Michel, Arthur (Jailson), Ramiro, Luan (Rafael Thyere) e Fernandinho; Lucas Barrios (Everton)

Fonte: terra.com.br

Partilhe nas redes sociais:

Comentários - 0