Receba atualizações de notícias ao minuto sobre os temas mais quentes com a NewsHub. Instale já.

Inundações põem Japão em estado de alerta

10 de Setembro de 2015 08:28
14 0

Mais de 100.000 pessoas receberam ordem para deixarem as suas casas e a centenas de milhares foi recomendado que partissem, devido às inundações e deslizamentos de terra no nordeste do Japão, na sequência de chuvas torrenciais associadas à passagem do tufão Etau.

A agência nacional de meteorologia difundiu “alertas especiais” para as regiões de Tochigi e Ibaraki, a Norte de Tóquio.

Em Tochigi, 90.000 pessoas receberam ordem para partir e a outras 80.000 foi recomendado que deixassem as suas casas, noticiou a televisão pública NHK. De Ibaraki foram mandadas sair 20 mil.

Centenas de milhares de pessoas de outras regiões, incluindo de zonas próximas de Tóquio, receberam desde quarta-feira recomendações para partirem, quando as chuvas se intensificaram, após a passagem do Etau.

“Estas intempéries são de uma dimensão que nunca vimos e representam um perigo imediato”, alertou um responsável da agência meteorológica japonesa, Takuya Deshimaru.

Socorristas procuravam na manhã desta quinta-feira uma sexagenária desaparecida, que temiam tivesse sido soterrada por um deslizamento de terra na cidade de Kanuma, Tochigi.

Joso, a Norte de Tóquio, foi invadida pelas águas de um rio, que destruíram casas e carros à sua passagem, enquanto os habitantes pediam desesperadamente ajuda, segundo transmitidas pela televisão NHK. A estação pública mostrou o rio Kinugawa a galgar uma das suas margens de Joso e uma gigantesca vaga a irromper por uma parte da cidade de 65 mil habitantes.

Fonte: publico.pt

Partilhe nas redes sociais:

Comentários - 0