Receba atualizações de notícias ao minuto sobre os temas mais quentes com a NewsHub. Instale já.

Luiz Araújo diz que confiança de Ceni foi vital para recusar oferta milionária

17 de Fevereiro de 2017 08:38
10 0
Luiz Araújo diz que confiança de Ceni foi vital para recusar oferta milionária

Aos 20 anos de idade, o atacante Luiz Araújo vem se destacando no time do São Paulo sob comando do treinador Rogério Ceni. No clássico contra o Santos, na última quarta-feira, pelo Paulistão, o jogador fez dois gols na vitória, de virada, por 3 a 1, na Vila Belmiro. Em entrevista ao “Seleção SporTV”, o jogador de 20 anos disse que contou com o apoio do técnico Rogério Ceni para seguir no clube paulista e preferir recusar proposta milionária do Lille, da França, de R$ 20 milhões.

- O que fez com que eu ficasse foi a confiança do Ceni em mim, a conversa que tive com ele. Acho que estou novo para sair do Brasil agora. Esse ano pode ser muito importante, porque não fazer excelentes jogos nesse ano e, quem sabe, no ano que vem, ri para a Europa, em um time até maior. Essa foi a conversa que eu tive com a diretoria, com o Ceni, que seria melhor esperar um pouco. Para que eu fosse um pouco mais maduro, para que eu fosse, pudesse render e ajudar mais o time - disse.

Luiz Araújo entrou em campo no clássico no segundo tempo, no lugar de Neílton. O jogador contou com orientação específica de Ceni para aproveitar as brechas no contra-ataque. O pedido deu certo: o atacante fez dois gols em arrancadas, colocando o São Paulo na frente do placar. A vitória foi a primeira após seis anos sem triunfos do Tricolor na casa do rival.

- Rogério pediu para que eu ajudasse um pouco na marcação e, quando sobrasse a bola no contra-ataque, que eu saísse rápido na velocidade, que a zaga do Santos não era tão rápida. Disse que eu poderia surpreender a equipe do Santos. Graças a Deus entrei, fui feliz, fiz dois gols e ajudei o São Paulo a sair vitorioso na Vila - disse.

Originário da base do São Paulo, Luiz Araújo também foi bem em campo na vitória por 5 a 2 sobre a Ponte Preta, pela 2ª rodada do Paulista. O jogador deu o passe para o gol de Gilberto após jogada individual. O atacante já disputou 30 partidas com o profissional do Tricolor após ser incorporado no ano passado. O sucesso neste começo de 2017, no entanto, ele atribui aos conselhos de Ceni.

- Mudou muito na minha forma de jogar. O Rogério vem conversando muito comigo, melhorando a tomar as melhores decisões. No último passe, eu vinha pecando muito, e isso fazia com que meu rendimento não fosse tão bom. E agora eu tenho acertado o último passe, tomado as melhores decisões, feito melhores jogadas, e tenho conseguido ajudar o São Paulo a ter vitórias como a de ontem – disse.

Leia também: Ministro Kassab diz que é preciso aplaudir tanto PF quanto 'bons produtores' de carne

Fonte: sportv.globo.com

Partilhe nas redes sociais:

Comentários - 0