Fogo atinge auditório do Memorial da América Latina, na Zona Oeste de SP

29 de Novembro de 2013 19:16

51 0

Fogo atinge auditório do Memorial da América Latina, na Zona Oeste de SP

Bombeiros atuavam contra incêndio em prédio desenhado por Niemeyer. CET pede que motoristas evitem região; Metrô e CPTM estão funcionando.

Um incêndio atinge o auditório do Memorial da América Latina, na Avenida Auro Soares de Moura Andrade, na Barra Funda, Zona Oeste de São Paulo, desde as 15h desta sexta-feira (29), de acordo com o Corpo de Bombeiros.

Vinte e sete carros dos bombeiros foram deslocados para apagar as chamas no Auditório Simon Bolívar. Seis bombeiros precisaram de atendimento médico por causa de intoxicação por fumaça e foram levados ao Hospital das Clínicas (HC), de acordo com o hospital. Não foi divulgado o estado de saúde dos feridos, que foram socorridos pelo Samu.

Não havia informações sobre as causas do incêndio, de acordo com os bombeiros. Segundo a assessoria do Memorial, há suspeita de que um curto-circuito em uma lâmpada tenha sido a causa do incêndio.

Em entrevista à Rádio CBN, o presidente da Fundação Memorial da América Latina, João Batista de Andrade, disse que toda a programação do auditório está suspensa até a reforma do espaço, que tem capacidade para 1,6 mil pessoas. “É um espaço muito bonito, é triste para todos nós”, afirmou. Segundo ele, é preciso um laudo técnico para avaliar o prejuízo causado pelas chamas.

Funcionários retirados

Segundo o Memorial da América Latina, havia funcionários no Auditório Simon Bolivar quando o incêndio começou, mas eles foram retirados rapidamente e não sofreram nenhum ferimento.

O auditório tem um palco central e a plateia dividida em duas metades. De acordo com a assessoria do Memorial, o forro da plateia B do auditório teria sido bastante danificado pelo incêndio.

O espaço tem uma tapeçaria de 620 metros quadrados feita pela artista Tomie Ohtake.

Trânsito

A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) recomenda que os motoristas evitem circular pelas vias no entorno do Memorial.

A Avenida Senador Auro Soares de Moura Andrade, na altura da Alameda Olga, foi bloqueada. O desvio para quem vai no sentido Lapa é feito pela Alameda Olga, Rua Tagipuru e Avenida Francisco Matarazzo.

A São Paulo Transporte (SPTrans) informou que 34 linhas de ônibus que passam pela Avenida Auro Soares de Moura Andrade tiveram o itinerário alterado por causa do incêndio no Memorial. Tanto os trens da CPTM quanto os do Metrô funcionam sem alterações.

Marco paulistano

O conjunto arquitetônico na Barra Funda foi projetado por Oscar Niemeyer. Inaugurado em março de 1989, tem 84,4 mil metros quadrados. A área inclui espaços para exposições e eventos.

Fonte: g1.globo.com

Para página da categoria

Loading...