Receba atualizações de notícias ao minuto sobre os temas mais quentes com a NewsHub. Instale já.

Ministro compara narcos a ervas daninhas: “corta uma e nascem cinco”

10 de Outubro de 2018 20:42
27 0
Ministro compara narcos a ervas daninhas: “corta uma e nascem cinco”

Chefe da Senad fez comentário após a prisão de traficante do Comando Vermelho, hoje de manhã em Bella Vista Norte

O ex-senador Arnaldo Giuzzio, atual chefe da Senad (Secretaria Nacional Antidrogas) do Paraguai, comparou a ervas daninhas os narcotraficantes que atuam na fronteira daquele país com o Brasil, na Linha Internacional entre o departamento de Amambay e Mato Grosso do Sul.

“Quando se corta uma surgem cinco”, afirmou Giuzzio, após a prisão de Jorge Teófilo Samudio, o Samura, apontado como chefe do tráfico aéreo de cocaína na fronteira a mando da facção criminosa carioca Comando Vermelho. Ele foi preso hoje em Bella Vista Norte, cidade paraguaia vizinha de Bela Vista (MS), a 322 km de Campo Grande.

Samura e outras dez pessoas foram presas em operação da Senad (Secretaria Nacional Antidrogas), que nos últimos dias intensificou as ações contra as facções brasileiras que comandam o crime organizado no Paraguai.

Segundo o chefe da Senad, apesar dos golpes da polícia paraguaia contra as facções criminosas brasileiras, Comando Vermelho, PCC (Primeiro Comando da Capital) e outros grupos continuam instalados na fronteira para controlar o tráfico de drogas e de armas.

Fonte: campograndenews.com.br

Partilhe nas redes sociais:

Comentários - 0