Receba atualizações de notícias ao minuto sobre os temas mais quentes com a NewsHub. Instale já.

No AP, suspeito de matar namorada é capturado em festa em balneário

23 de Fevereiro de 2015 17:59
3 0
No AP, suspeito de matar namorada é capturado em festa em balneário

A Polícia Militar (PM) conseguiu capturar o menor de idade de 17 anos suspeito de atirar na cabeça da namorada, de 15 anos, em Laranjal do Jari, a 265 quilômetros de Macapá. A apreensão aconteceu no domingo (22) em um balneário particular no município onde o crime ocorreu, no Sul do Amapá. Ele estava sendo procurado por policiais desde 14 de fevereiro, quando foi apontado de ser o autor do disparo na cabeça da adolescente, que morreu três dias depois no Hospital de Emergências (HE) de Macapá.

A Delegacia de Crimes Contra a Mulher (DCCM) de Laranjal do Jari investiga o crime e não informou detalhes da investigação, mas revelou que a adolescente saiu da casa em Macapá sem avisar a mãe o verdadeiro destino para onde iria. Ela escondeu a família que passaria o carnaval na casa do suposto namorado, em Laranjal do Jari, alegando que iria encontrar o pai, em Santana, a 17 quilômetros de Macapá.

O 11º Batalhão de Polícia Militar foi o responsável pela apreensão do menor de idade suspeito de atirar na cabeça da adolescente. Segundo sargento Robervaldo Lacerda, ele estava tomando banho no balneário e foi reconhecido por um militar que estava de folga no momento da apreensão.

"Ele estava se divertindo no balneário e foi reconhecido por um policial que estava no mesmo local. Uma viatura foi acionada e apreendeu o menor", afirmou Lacerda.

O menor foi encaminhado à DCCM de Laranjal do Jari, onde prestou depoimento e depois transferido ao Centro de Internação Socioeducacional Masculino (Cesein), em Macapá. Ele encontrava-se na condição de foragido da unidade.

Crime A adolescente de 15 anos que teria sido baleada na cabeça pelo namorado após uma discussão, morreu na tarde de terça-feira (17), depois de ficar três dias internada no Hospital de Emergências de Macapá. De acordo com a polícia, o crime aconteceu no sábado, no município de Laranjal do Jari, distante 295 quilômetros da capital. O suspeito segue foragido.

Desde a internação, o estado de saúde da jovem era considerado grave, segundo os médicos. No domingo (15), a adolescente teve morte cerebral. A delegacia de Laranjal do Jari informou que as buscas ao namorado da menina, desaparecido desde o dia do crime, estão sendo feitas em outros municípios ao Sul do Amapá.

Fonte: g1.globo.com

Partilhe nas redes sociais:

Comentários - 0