Receba atualizações de notícias ao minuto sobre os temas mais quentes com a NewsHub. Instale já.

Sem velório, família se despede de costureira morta pela sobrinha

26 de Dezembro de 2018 17:16
109 0
Sem velório, família se despede de costureira morta pela sobrinha

Uma despedida simples, com a última homenagem em forma de oração minutos antes do enterro, foi assim que a família de Ivonete Pache Stephan, 56 anos, decidiu dar último adeus à costureira, atropelada e morta pela própria sobrinha na madrugada do dia 25 de dezembro, na Vila Fernanda.

Com o caixão fechado, resultado das lesões do acidente, Ivonete será sepultada às 14h30, no Cemitério do Cruzeiro, em Campo Grande. Foram os ferimentos também, que impediam as filhas da costureira de verem a mãe depois de morta.

“Por uma questão de humanidade não deixaram as filhas verem ela”, contou um dos parentes da vítima. Ao Campo Grande News, o familiar, um professor de 45 anos, lembrou que no dia do acidente as duas filhas de Ivonete não estavam na ceia com o resto da família.

Ainda segundo o professor, em um primeiro momento, os filhos da vítima receberam a notícia da morte com revolta, mas agora, só pede para que a prima, a diarista Pryscilla Stephan da Silva, de 38 anos, faça um tratamento para alcoolismo. “Ele é alcoólatra, Está todo mundo em estado de choque. Só queremos que ela vá fazer um tratamento”.

Pryscilla Stephan estava presa desde a madrugada de ontem, mas foi liberada nesta manhã após passar por audiência de custódia. Para a reportagem, a advogada Herika Ratto afirmou que a cliente tinha a tia como uma mãe e por isso está abalada com o acidente. “Isso poderia ter acontecido com a mãe dela também, porque estavam as duas na janela, tentando impedir que ela saísse”.

Fonte: campograndenews.com.br

Partilhe nas redes sociais:

Comentários - 0